Moontera
Ashley Madison

Site de adultério Ashley Madison foi hackeado

Por Tiago Araújo a 20/Jul/2015

O famoso site de adultério Ashley Madison com mais de 30 milhões de utilizadores foi hoje hackeado pela equipa de hackers Impact Team

A rede social de adultério Ashley Madison, foi “hackeada” por uma equipa de Hackers apelidada de Impact Team. O grupo não só invadiu as base de dados do Ashley Madison, mas também dos sites Cougar Life e Established Men, que fazem parte do grupo ALM (Avid Life Media), que detém todos os 3 distes invadidos.

Na origem do ataque esteve o serviço da ALM de eliminação da informação dos utilizadores que desejassem ver as suas contas apagadas. Este serviço possuía um custo de 19$ (17.5€) e era referente ao site Ashley Madison, onde prometia a eliminação do utilizador e da informação referente à sua conta, tal como pesquisas da conta, fotografias, mensagens, morada e nome do utilizador. Ao que a equipa de hackers apurou, a ALM não eliminou todos os dados que prometia no serviço que custava 19$. Os hackers encontraram nomes e moradas de clientes que pagaram para eliminar toda a informação da sua conta.

Este serviço de eliminação de conta resultou num lucro de 1.7 milhões de $ para a ALM no ano de 2014. A empresa não removeu as informações referentes ao pagamento, onde constam o nome e morada de quem pagou pelo serviço. Todos os serviços foram pagos por cartão de crédito.

Os hackers exigem que os sites Ashley Madison e Established Men sejam encerrados definitivamente, ou, irão colocar toda a informação online sobre clientes e funcionários dos sites da ALM. Os responsáveis da ALM já responderam que gostem, ou, não da ALM, o que se está a passar é um crime e será tratado com as autoridades responsáveis.

Categoria: Segurança

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *